Umbanda: Vídeos: Orixás
 

Acesse somente pelo Microsoft EDGE, para uma melhor visualização

Atualização: Junho de 2020
1 Novo Vídeo, está identificado com o sinal

Vídeos dos Orixás: 4 Vídeos
Os vídeos estão relacionados em Ordem Alfabética e por Ano de Publicação
Sendo Publicados desde 2020


Ano 2020 - 3 Vídeos
Festa Para Logun Edé - Lucio Sanfilippo
Saudação para Logun Edé
Logun Ô Akofá! / Loci Loci Lgoun
Significado: Princípe Guerreiro
Dia 19 de Abril

Hino Dos Orixás - Grupo Musical Aruanã
Penso no dia que logo vai nascer
E o meu peito se enche de emoção
A esperança embate o meu ser
Eu sou feliz e gosto de viver.

Pela beleza dos raios da manhã
Eu te saúdo Mamãe Iansã
Pela grandeza das ondas do mar
Me abençoe Mamãe Iemanjá

A mata virgem tem seu semeador
Ele é Oxossi Oke Oke Aro!
Na cachoeira eu vou me refazer
Nas águas claras de Oxum ai eio

Se a injustiça faz guerra de poder
Valha-me a espada de Ogum, Ogunhê
Não há doença que venha me vencer
Sou protegido(a) de Abaluaê

Eu sou de Paz
Mas sou um lutador
A minha lei quem dita é Xangó
A alegria já tem inspiração
Na inocência de Cosme e Damião

Não tenho medo
Vou ter medo de que?
Tenho ao meu lado Nanã Boruque
E essa luz que vem de OXALÁ
Tenho certeza vai me iluminar...

Penso no dia que logo vai nascer
E o meu peito se enche de emoção
A esperança embate o meu ser
Eu sou feliz e gosto de viver
Pela beleza dos raios da manhã
Eu te saúdo Mamãe Iansã ...

E essa luz que vem de OXALÁ
Tenho certeza vai nos ILUMINAR!

Oração Aos Orixás Da Umbanda

Se Eu Fosse Só, Não Estaria Mais Aqui
Compositor: Henrique de Oxossi
Intérprete: Vitória Pereira

Tantas batalhas venci.
muitas ainda vou enfrentar.
Muitas vezes vou cair.
Mas sempre vou levantar.

Meu escudo é minha fé
minha espada é o Orixá
tenho meu corpo fechado.
Nas rezas do Jacutá.

Quando eu cai,
Pai Ogum me levantou.

Quando sofri,
mãe Oxum me amparou.

Me vi perdido,
Exu veio me guiar

Estava com fome,
Oxossi me ensinou caçar.

Fui humilhado,
e Xangô me defendeu

Fui perseguido,
Oyá com os ventos me escondeu.

Cai doente
Omulu quem me curou

Estava sujo,
Yemanjá quem me banhou.

Eu vi a morte,
mas Nanã lhe afastou
Cuidou de mim e meu pranto ela secou.

Desesperado, vi minha fé vacilar.
fui renovado com as palavras de Oxalá.

Se eu fosse só,
já não estaria aqui
Meu Orixá, me ajudou a persistir
Na noite escura,
nos caminhos me guiou
E na Umbanda eu retribuo seu amor.

Orixás - Texto: Apresentação
Ervas dos Orixás - Texto
Imagens
Pontos

Se desejar conhecer mais sobre
a Umbanda clique em
Voltar