Pedala Poeta - Jorge Linhaça
 

Pedala poeta tua fantasia
lado a lado com a bicicleta
pedala os pedais da utopia
da tua imaginação concreta

Segura o guidão dos sonhos
senta no selim da imaginação
esquece o freio de tua razão
solta teus versos tão risonhos

No pé de vela de tuas rimas
impulsiona as tuas quimeras
imagina soar as concertinas

Tu'alma em eterna primavera
é para sempre a alma menina
que sonho e fantasias encerra

Jorge Linhaça
Arandú - SP

Pedala Poeta - Beatriz por um triz*

Pedala poeta, seja ágil
a vida precisa de emoção
e és tu que aduba a vida
com as sementes da paixão

Pedala e não percas o rumo
não tires o amor do prumo
pois de amor vive o homem
sem ele mortais se consomem

Pedala e vai colorindo
os rios, os bancos das praças
faz sorrir a menina que passa
e se alegra com teu pedalar

Pedala e exala poesia
em cada palmo de chão
pois é tua a fantasia
que faz sonhar toda a Nação

Beatriz por um triz*
São Paulo - SP



Fundo Musical: Conquest of Paradise

Anterior Próxima Duetos Menu Principal